10 mandamentos para a criação de marcas emocionais

E quanto à ligação emocional dos consumidores com as marcas? Há marcas que se preocupam em proporcionar experiências que atendam às necessidades e satisfaçam os desejos dos consumidores. São marcas que têm como objectivo envolver ao máximo as pessoas que consumem os seus produtos e serviços. O Real Madrid anunciou recentemente a construção de uma ilha temática nos Emirados Árabes Unidos. No vídeo de apresentação deste novo espaço, o posicionamento do clube é apresentado da seguinte forma: “When a emotional brand, creates an emotional space”. De facto, trata-se de uma estratégia devidamente delineada em função dos valores da marca. Ainda no mesmo país já está sediado um outro parque temático de outra grande marca emocional: a Ferrari. Marc Gobé, presidente da Emotional Branding LLC, sugere-nos os seguintes 10 mandamentos para a criação de marcas emocionais:
1. De consumidores para pessoas – Clientes não podem ser tratados como alvos a serem atacados, é preciso construir relacionamentos com eles.
2. De produtos para experiências – Proporcionar experiências será vital, pois produtos atendem a necessidades e experiências satisfazem desejos.
3. De honestidade para confiança – Honestidade é obrigação. As marcas devem ir além, conquistando confiança, para gerar envolvimento e intimidade.
4. De qualidade para preferência – Para obter sucesso, não bastará ter qualidade reconhecida. Será preciso perseguir a preferência do público.
5. De notoriedade para aspirações – Ser conhecido não significa ser amado. Para ser desejada, a marca precisará reflectir as aspirações dos seus clientes.
6. De identidade para personalidade – Para se diferenciar, além de uma identidade clara, as marcas devem ter uma proposta, carácter e carisma.
7. De funcionalidade para sentimento – Mais do que ser funcionais, os produtos devem proporcionar experiências sensoriais através do design.
8. De ubiquidade para presença emocional – Alta visibilidade não é mais suficiente. As marcas devem buscar contactos emocionais com as pessoas.
9. De comunicação para diálogo – Mais do que discursar através da comunicação tradicional, as marcas precisam entrar na vida de seus clientes.
10. De atendimento para relacionamento – Atender bem é só uma tarefa de venda. Estabelecer relacionamentos é reconhecer a importância do cliente.

FONTE: http://marcostfcastro.blogspot.pt/2012/03/os-dez-mandamentos-da-criacao-de-marcas.html

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s